O que é uma SERP e qual a sua importância

Por 28/04/2017
O que é uma SERP e qual a sua importância

O universo do marketing digital é cheio de termos técnicos e estrangeirismos que acabam sendo imprescindíveis para dar continuidade aos trabalhos e estratégias. Nesse sentido, pode ser um desafio começar seus estudos quando se é iniciante. Uma sigla que costuma aparecer muito, sobretudo em artigos de sites estrangeiros, é SERP. Já se deparou com essa palavrinha por aí? Sabe o que significa? E o fundamental: sabe a importância dela para sua estratégia de SEO?

O que significa SERP?

SERP é a sigla em inglês para Search Engine Results Page. Em tradução livre, isso significa algo como “página de resultados do mecanismo de busca”. Basicamente, se refere à página de resultados que aparece para o usuário assim que ele procura por determinado resultado – aquela lista de sites originada por uma busca. No imaginário popular, a SERP mais comum é a página que apresenta os resultados de busca do Google, que, por ser a plataforma mais popular, acaba sendo o objetivo e o foco de qualquer analista de SEO. Entretanto, o termo SERP trata da página de resultados de busca de todo e qualquer buscador.

Qual é a importância de uma SERP?

Para quem trabalha com SEO, toda a importância do mundo. O objetivo de quem trabalha com esse tipo de estratégia de marketing digital é, basicamente, fortalecer certas palavras-chave e garantir que seu site (ou o de seus clientes) seja indexado entre as primeiras páginas de resultados de busca do Google, ou seja, entre as primeiras SERPs.

A estrutura de uma SERP no Google

Todos os buscadores acabaram desenvolvendo layouts, designs funcionais e estruturas consideravelmente semelhantes, já que isso facilita a experiência do usuário, remetendo a um processo intuitivo e comum para ele independente de estar no mesmo buscador popular de sempre ou não (embora, é óbvio, os algoritmos e processos de indexação sejam bem diferentes entre si, sobretudo no aspecto qualitativo). Em geral, uma SERP é composta pelos seguintes elementos:

– Título da página encontrada, com as palavras-chave buscadas destacadas em negrito. Por isso é imprescindível otimizar os títulos de seus artigos e landing pages conforme técnicas de SEO;

– Snippet, um texto pequeno retirado da página de destino que aparece embaixo do link. Pode ser enriquecido com diversos elementos “secretos”, como avaliações positivas de clientes, por exemplo, através de uma técnica de SEO chamada de “rich snippets”;

– Uma lista de sugestão de outras palavras-chave e termos de busca similares. Vale prestar atenção nesse box de sugestões para enriquecer sua estratégia de fortalecimento de palavras-chave.

A independência da SERP

Uma característica fascinante das SERPs, que pode ter passado despercebida pelo público em geral, e que com certeza não passou batido por quem trabalha com SEO, é que uma SERP nunca será a mesma para todos. Se você e seu vizinho buscam por “lojas de sapatos”, é possível e provável que os resultados sejam ligeiramente diferentes entre si. Isso é diretamente influenciado pelos seus hábitos de navegação. A tendência é que a inteligência artificial dos mecanismos de busca torne as buscas cada vez mais personalizadas, originando novos desafios para o profissional de SEO.

Artigos relacionados

COMENTÁRIOS


© Copyright 2016 - Todos direitos reservados a Harpia Propaganda