As 7 diretrizes fundamentais de usabilidade e UX.

Por 11/12/2016
As 7 diretrizes fundamentais de usabilidade e UX.

Você já se perguntou por que ter um site? Ou melhor: você conhece alguma empresa bem sucedida que ainda não tenha um site?  Acredito que não!
Como sabemos, o mundo está cada dia mais digital. Para se ter idéia, de acordo com a Anatel, existem mais celulares no brasil que habitantes, por isso, os fatos comprovam a importância das empresas estarem presentes na internet, até mesmo porque outras estatísticas mostram que os  consumidores procuram informações na internet sobre produtos e serviços antes de procurarem um estabelecimento físico.

E outro detalhe que quero enfatizar, é que o website é o centro de todas as ações de marketing digital, seja através de mídias sociais, anúncios no google, dentre outros… sempre convergiram para o website.

Agora que você já sabe o quão importante é ter um site, daremos 7 dicas para que seu site seja realmente eficiente e gere experiências agradáveis aos usuários. Boa leitura!

1 – Simplicidade

A simplicidade era o maior mantra de Steven Jobs e também de Leonardo Da Vinci. Conforme disse Jobs: “o simples pode ser mais difícil que o complexo.”

As pessoas acessam seu site não para avaliar sua qualidade visual ou técnica, mas sim para encontrar informações específicas, e se você sobrecarregar o site de informações, além do usuário não encontrar com facilidade o que precisa, ele terá uma experiência ruim.

É neste ponto que entra a usabilidade e UX, que são os aliados da simplicidade e de uma experiência super agradável aos usuários, segue abaixo alguns pontos a serem pensados:

  • Cores -> Não use de forma demasiada e desordenada, confira mais neste link:  (  link que trata sobre a importancia das cores  )
  • Tipografia -> As fontes devem ser legíveis, além de ser recomendado o uso de no máximo três fontes por projeto;
  • Imagens -> Utilizar somente imagens que irão auxiliar ou mesmo facilitar para o usuário a execução de alguma tarefa específica. Jamais utilize imagens de forma aleatório, pois além de prejudicar visualmente, também compromete a velocidade do site.

Seguem exemplos de dois sites que reúnem todas as características acima recomendadas: •  http://www.apple.com/      • https://www.microsoft.com/pt-br/

2 – Hierarquia Visual

Diretamente relacionada à simplicidade, é a hierarquia visual que determina o nível de importância e profundidade de cada elemento do site, de forma a conduzir os usuários a acessarem primeiro as áreas mais importantes para o seu negócio.

Atente-se ao otimizar a estrutura do seu site, de maneira a conduzir os visitantes a realizar com facilidade e naturalidade todas as tarefas desejadas, assim você criará uma experiência agradável e memorável. Para isso, você pode ajustar a posição, o tamanho ou a cor certa para cada elemento.

Por exemplo: Nós sabemos que a leitura começa na extremidade superior esquerda e termina na extremidade inferior direita, essa é a ordem que lemos um texto. Existe também a regra dos terços para o design, onde pode-se determinar a importância dos elementos de acordo com o quadrante que o mesmo ocupa. Caso queira se aprofundar no assunto, acesse:  (post relacionado a usabilidade “Arquitetura da Informação ).

3 – Facilite a Navegação

Talvez você já tenha se deparado com sites tão confusos e abarrotados de informações desorganizadas, que geram frustração o que logo nos convida a abandoná-los. Em muitos casos acaba sendo inviável navegar em sites assim, afinal nada do que procuramos conseguimos encontrar.

Segue abaixo algumas dicas para cuidar da satisfação de seu visitante:

  • Mantenha a navegação o mais simples possível ( disponha um menu de fácil entendimento ).
  • Inclua o menu no rodapé também;
  • Use breadcrumb ( trilhas de navegação );
  • Inclua um campo de pesquisa de palavras-chave ( assuntos );
  • Não ofereça muitas opções de navegação por página;
  • Evite links muito profundos, no máximo três níveis;
  • Mantenha títulos ou marcações que indicam em qual página o usuário está.

4 – Mantenha um padrão visual

A consistência visual do website é fundamental para transmitir profissionalismo, e mais que isso, facilitar o aprendizado dos usuários sobre seu site, ou seja, é importante que você mantenha um padrão de fontes para títulos, subtítulos, textos normais e também naqueles que requer destaque, esquema de cores e alinhamentos (diagramação). Para alguns pode até parecer irrelevante, mas acredite, a experiência nos demonstrou que a conversão aumenta exponencialmente quando há uma padronização.

Isso não quer dizer que você deve manter seu layout engessado, exato em todas as páginas, pelo contrário, deve-se criar layouts diferentes para assuntos específicos. ( Por exemplo, um layout para as páginas de destino, outro para páginas informativas, e assim por diante), contudo, em todas as páginas o tamanho das fontes, tipografias utilizadas, esquema de cores e diagramação devem ser mantidos.

5 – Websites Responsivos

Conforme já tratamos em outros artigos, o uso da internet através de Smartphones e Tablets tem crescido exponencialmente, de acordo com a comScore houve um crescimento de 270% em 2016 comparado ao desktop.

Justamente por isso sugerimos que você projete o seu website para as versões responsivos, ao invés de simplesmente adaptá-los a partir do desktop. A fim de proporcionar uma excelente e agradável experiência ao usuário. Ah! não se esqueça de testar a compatibilidade do mesmo em diferentes dispositivos, sistemas operacionais e navegadores.

São inúmeros os motivos e benefícios para projetar e construir uma versão específica para os dispositivos móveis, por isso se quiser saber mais a respeito leia nosso artigo “Design responsivo: confira a sua importância na era digital!”.

6 – Seja original, mas respeite os limites!

Há certos padrões de web design que se tornaram convencionais e mesmo necessários, por isso quando se pensa em ser original e criativo, deve haver bom senso e ser cauteloso para não criar grandes problemas, por exemplo: somos acostumados a ver os menus na parte superior dos sites, a logomarca normalmente no canto esquerdo ou no centro e o mesmo ocorre com diversos outros elementos. Fazendo uma analogia, suponhamos que criássemos um carro com o volante no banco de trás, isso funcionaria?

A fim de proporcionar uma experiência agradável, devemos nos ater aos elementos que os usuários já estão familiarizados, a fim de não gerar nos mesmos frustração e até mesmo se sentirem incapazes de navegar no site.

7 – Objetividade

Enfim, o seu site já está adequado e respeita as diretrizes acima listadas, agora é hora de analisar para melhorar ainda mais a experiência dos usuários. Assim, nada melhor que utilizar alguns recursos para testar possíveis alterações de melhoria, para isso segue abaixo algumas ferramentas para auxiliar você nessa tarefa:

  • Crazy Egg é uma ferramenta avançada de “heatma” (mapa de calor). Através dela você verá em um mapa de calor quais são as áreas de seu website que mais recebem cliques e quais não.
  • Loop11 é uma ferramenta que monitora o comportamento dos usuários e fornece relatorios das tarefas realizadas, assim é possível otimizar o processo de navegação.
  • Mouseflow é uma ferramenta de análise de que permite gravar a experiência dos usuarios através dos movimentos do mouse, cliques e uso do teclado.
  • Attensee consegue monitorar se o comportamento do usuario esteja alinhado pelo objeto de pesquisa ou busca em seu site, possibilitando assim reajustes em posicionamento de elementos.
  • HotJar – ferramenta completa que permite identificar oportunidades de melhoria através de heatmaps, gravações de visitantes, funis de conversão, análise de formulários, dentre outros.

Algumas pesquisas, mostram que em torno de 70% dos usuários não convertem porque a experiência com o site é ruim. Assim sendo, levar cada vez mais a sério usabilidade UX, pode fazer toda a diferença.

O objetivo deste artigo foi orientá-lo de forma abrangente, porém superficial sobre a importância e quais são as diretrizes a serem seguidas, caso queira se aprofundar em cada uma delas, deixe seu comentário, ou entre em contato conosco que lhe enviaremos outros materiais específicos. Espero que você tenha gostado!

 

Artigos relacionados

COMENTÁRIOS


© Copyright 2016 - Todos direitos reservados a Harpia Propaganda